A ISEPE NÃO PARA: Confira dicas de como otimizar seus estudos em casa

A ISEPE NÃO PARA: Confira dicas de como otimizar seus estudos em casa

Durante o momento delicado que vivemos, o lema estampado em nossas redes sociais expõe de forma muito evidente nossas prioridades: “em tempos de isolamento social, estamos pensando no coletivo”. Dessa maneira, nossas aulas presenciais permanecem suspensas pelos próximos dias, mas as lições e atividades seguem em desenvolvimento de maneira remota, alunos e professores interagindo e construindo conhecimentos por meio dos ambientes virtuais de ensino.

 

Apesar do ambiente familiar — o quarto e a escrivaninha, a sala de estar, a mesa de jantar —, nem sempre é tão fácil se concentrar e manter a produtividade dentro de casa. Uma série de possibilidades, distrações e fatores externos fazem com que manter a performance em tempos de quarentena seja um desafio a mais. Por isso, e inspirados pelo ótimo artigo publicado por um grupo de professores no site da revista Época, preparamos algumas dicas de como se orientar durante esse período.

 

Se organize

Para melhorar a produtividade em casa, é fundamental que haja um planejamento detalhado com horários de estudos e demandas a serem realizadas. Essa organização ajuda a manter uma rotina semelhante às práticas de sala de aula e preserva nossa percepção de um deslocamento da realidade. A prática não abrange apenas aos estudos mas também ao home office muito adotado neste momento — e é importante, inclusive, como forma de cuidar de sua saúde mental ao longo da quarentena.

 

Anote

A anotação é uma ótima ferramenta de fixação e compreensão dos conteúdos apresentados. Portanto, o caderno e a caneta, mesmo na era digital, podem ser bons companheiros durante as horas de estudo.

 

Aproveite os recursos disponíveis

Uma das vantagens do Ensino à Distância é a possibilidade de provar e aplicar novas possibilidades às dinâmicas educacionais. Videoconferências, jogos interativos, novas formatos de comunicação, apresentação, entre outras ferramentas que os ambientes virtuais de ensino proporcionam são ótimas utilidades a serem descobertas ao longo das aulas.

 

Evite distrações

Não é por acaso que o uso de aparelhos celulares em sala de aula não é recomendado. O dispositivo que não sai de nossas mãos é um chamariz de interações e nos tragam para uma realidade paralela na qual a aula é apenas um plano de fundo. Imagine, então, estar em casa. Além do celular, a televisão, o rádio, outras interações e atividades podem ser prejudiciais para o desenvolvimento das práticas de ensino durante o período. Busque manter o celular em modo silencioso ou avião, outros aparelhos eletrônicos desligados e um espaço que contribua para a produtividade de suas horas de estudo.

 

Defina um local agradável para os estudos

Nem sempre o quarto é o melhor ambiente para estudar. A cama, por exemplo, favorece a procrastinação e pode contribuir para que você se distraia a todo momento. Opte por espaços organizados, com iluminação adequada e poucos estímulos que possam roubar a atenção dedicada aos estudos. Dessa maneira, é possível otimizar o ensino de qualidade.

 

Dê uma pausa

Assim como nas aulas presenciais, é importante estabelecer intervalos entre as aulas. Lembre-se de se alimentar regularmente. Esses momentos de pausa são importantes para que, ao retornar para os estudos, a atenção está preparada para se ater aos conteúdos novamente.

 

 

 

 

Referências e fontes:

Em quarentena? 7 dicas para estudar em casa e não perder o ritmo (Guia do Estudante): https://bit.ly/2UaEBHM

Como estudar em tempos de pandemia? (Revista Época): https://glo.bo/3doqeHp

Coronavírus: veja dicas de organização para estudar durante a quarentena (Gshow): https://glo.bo/2xmJlBi

Quarentena: como manter a saúde mental em dia? (Vittude): https://bit.ly/2wn9vDS

Pais e responsáveis, uni-vos: como apoiar o estudo dos filhos durante a quarentena (Desafios da Educação): https://bit.ly/2wnYtyd

CURTA E ACOMPANHE

 

QUALIDADE E TRADIÇÃO

 

  • 4 Administração
  • 4 Ciências Contábeis
  • 4 Direito
  • 4 Negócios Imobiliários


Como resultado dos esforços desenvolvidos, a Faculdade ISEPE obteve do MEC Conceito 4, para os cursos de Administração, Ciências Contábeis, Direito e Negócios Imobiliários, numa tabela de avaliação de 1 a 5. Os outros cursos ainda contam com Conceito 3.

 

Sobre o ISEPE